CARROS ANTIGOS

CHEVROLET + 1955

CHEVROLET + 1955

Em 1955 a Chevrolet inovou e porque não dizer, mudou o mercado.

Lançou em 55 o primeiro dos Shoe Box (Caixa de Sapato) pelo formato mais quadrado da carroceria que seria usada por três anos 55, 56, 57 e que compõem o trinômio que passou a ser cobiçado por todos os colecionadores e aficcionados por carros antigos, em espeical da década de 50.

 

O Chevy 1955 trouxe muitas inovações técnicas em sua carroceira que permitia mais espaço e conforto, sua grade frontal remetia as grades das Ferraris, e agora estaria disponível aos clientes da Marca Chevrolet, o motor V8, que garantiria desempenho e dirigibilidade.

 

Os modelos disponíveis eram:

150 (one-fifty), modelo básico quase que desconhecido do público em geral, pois tratava-se de um modelo principlamente desenvolvido para frotas, empresas, taxis, militares, etc. Eram tão despojados que não eram tratados como automóveis, mas como meios de transporte. Hoje contudo, há uma legião de aficcionados que buscam estes bravos trabalhadores para restaurá-los.

 

210 (two-ten), modelo intermediário e muito vendido na época, possuiam o mesmo pacote de opcionais que seu irmão mais caro, o Bel Air, contudo com acabamento um pouco inferior e menor quantidade de frisos e cromados

 

Bel Air, a versão top, com acabamento diferenciado e opções de cores exclusivas. 

 

sendo que cada uma oferica uma grande variação de opções e configurações, como: 2 portas hardtop, 4 portas hardtop, sedan (4 portas), conversível, perua (Station Wagon) com 2 ou 4 portas (as Nomads eram todas 2 portas).

 

Os motores disponíveis eram:

 

6 Cilindros 3,5 litros (215cc)

6 cilindros 3,9 litros (235cc) oriundo dos Corvettes

V8 de 4,3 litros (265cc)

 

 Possuiam uma infinidade de combinações de cores para a parte externa e interna, e motores que variavam de 140 a 225hp.

LISTAR CARROS POR

BUSCAR
Publicidade
Publicidade
  • KIA MOTORS
  • 3M
  • TNT ENERGY DRINK
  • NETserv
  • PIRELLI